Vem, fichinha

Já há alguns dias que tento escrever regularmente, sem sucesso. Aliás, não tem sido fácil (ou possível) fazer nada regularmente, exceto… tocar guitarra. Foi então que caiu uma das muitas fichas que deveriam cair (a primeira de muitas): Só se faz com regularidade o que se ama demais a ponto de não conseguir abandonar, ou o que o nosso senso de dever nos diz que deve ser feito. A questão é que esse nosso senso de dever é serviçal de um outro sentimento: o de objetivo. Revejo os vários inícios de textos por aqui e me dou conta que a nossa ilusão é nosso guia. Sempre. Ainda que convincentemente real. A maior parte dos objetivos de qualquer pessoa se resume a estudo e trabalho. Ou estudo como ferramenta para ter trabalho. Pra que servem os nossos almejados títulos acadêmicos ou empregos que nos conferem a possiblidade de fazer o que gostamos enquanto engolimos sapos e fingimos não ver o que é essencial? Lembro de ter lido uma vez sobre certos caminhos estranhos que nossa mente percorre através da exemplificação do olhar de uma mulher grávida: uma vez grávida, a mulher vê bebês e outras grávidas em toda parte. Filosofia clássica de que vemos aquilo com que nos identificamos. No nosso mundo de faz de conta, não existem dias úteis, não existe maldade (contra nós mesmos ou contra os nossos). Temos todas as respostas. E cai mais uma ficha: no mundo “real” não fazemos perguntas. Não muitas. Até temos vontade. Mas assusta, ameaça e afasta de nós o mundo dos maravilhas. E na nossa interminável queda de fichas, nosso coelho pessoal nos lembra que para chegar ao país das maravilhas é preciso se fazer pequeno, passar pelo buraco. Parafraseando Laerte: “A grande ficha. Em algum momento… ela vai cair”.

 

size_960_16_9_telebras_fichas12.jpg

Anúncios

Algo a dizer?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s